Solucionática

Blog coletivo para compilação de jogos/atividades/problemas/exercícios e algumas elucubrações teóricas sobre Psicologia Cognitiva

Sunday, June 25, 2006

O Seqüestro do Papagaio

DESCRIÇÃO:

Dessa vez o Inspetor Arruda foi chamado à casa da milionária Duquesa Bol Sá Cheia. Seu papagaio de estimação havia sido seqüestrado.

Os seqüestradores pediam de resgate Dois Milhões de dólares. Só que a Duquesa já havia pago o resgate e nada de ter o papagaio de volta.

Ela disse que seu mecânico particular foi quem recebeu o bilhete com o pedido de resgate e depois que ele o leu, lhe avisou desesperado.

O Inspetor então foi falar com o mecânico. O mecânico lhe disse:

"Lembro bem, foi num dia como hoje, e eu também estava desmontando um motor bem na hora que recebi e li o bilhete. Foi um choque, como sou muito sentimental, até chorei..."

Então, depois de ler e reler o bilhete, depois de analisar profundamente o caso, o Inspetor concluiu que o mecânico estava mentindo. Por quê ele pensa assim?

Resposta do Seqüestro do Papagaio



O Inspetor Arruda, tem certeza que o mecânico está envolvido no seqüestro do papagaio.

Ao analisar o bilhete com o pedido do resgate, ele viu que a folha de papel estava limpinha e sem marca nenhuma de sujeira.

Mas, se como o mecânico afirma, recebeu o bilhete na hora em que estava desmontando um motor e o leu, deveria ter sujado de graxa o mesmo. Assim,

como o bilhete estava sem marca de graxa alguma, ele só poderia estar mentindo por estar envolvido.

ELUCUBRAÇÕES TEÓRICAS

Neste problema é preciso analisar com calma e atenção, principalmente ter uma boa percepção do fato apresentado.

PARA SABER MAIS:

CAPÍTULO QUATRO DO LIVRO STERNBERG /
WWW.GOOGLE.COM.BR

Elaborado por:

Márcia

Cristiane

Quefli

0 Comments:

Post a Comment

Links to this post:

Create a Link

<< Home