Solucionática

Blog coletivo para compilação de jogos/atividades/problemas/exercícios e algumas elucubrações teóricas sobre Psicologia Cognitiva

Tuesday, June 13, 2006

The sims é um jogo com características inteligentes disponíveis no mercado.
Tem como objetivo construir “seres” e “famílias”, adquirir bens, estabelecer relacionamentos sociais e afetivos, trabalhar, estudar e outros fatos do dia a dia dos “Sims”.
Metáfora Condomínio com vários terrenos e casas que podem ser compradas ou construídas pelas famílias criadas.

The Sims

O objetivo inicial detectado no “The Sims” foi a simulação social. O jogo é iniciado criando-se uma família de um ou mais membros. Para se criar uma família é preciso atribuir um sobrenome e criar cada um de seus membros definindo características como nome, tipo (adulto, criança, homem ou mulher,) e outras características físicas (cor da pele, tipo físico com vestimentas características) e características de personalidade como (asseado, extrovertido, ativo, divertido e simpático). Essas características de personalidade podem ser definidas distribuindo-se pontos ou atribuindo-se um signo do zodíaco ao personagem. A Figura 1 mostra os passos básicos para a criação de um “ser Sims” e suas principais características.

Figura 1: Criando uma criatura no “ The Sims”.

Para cada família criada é atribuída uma quantidade de dinheiro, cujo valor inicial é de 20.000,00 § (“simileons” é a unidade monetária criada no jogo). A família deverá adquirir uma das casas já disponíveis no jogo ou um terreno para construí-la. Com os recursos restantes a família deverá comprar o necessário para mobiliar a casa e sobreviver até que novas fontes de recursos sejam adotadas pelos membros da família. Procurar empregos, desenvolver atividades tais como pintar quadros, atender telefonemas com boas notícias (heranças, recompensas, prêmios etc) e manter boas notas no boletim (para as crianças da família) são algumas das fontes para aquisição de mais recursos financeiros.
As famílias criadas no jogo também possuem despesas com comida, roupas, multas e contratação de serviços (empregada doméstica, técnico para reparos etc.), aquisição de novos objetos, ampliação e reformas na residência. Todas essas despesas só são possíveis caso a família possua recursos financeiros suficientes.

Figura 2: Vizinhança 1 com algumas casas e alguns terrenos disponíveis.

Ao longo do jogo, as “criaturas Sims” podem ter significativas mudanças de humor e até morrer, caso suas necessidades básicas (fome, energia, social, diversão, trabalho) não sejam devidamente satisfeitas.
Caso o jogador não queira controlar diretamente a vida de cada um dos personagens criados, eles podem viver e tomar suas próprias decisões. É especialmente nessa situação que as características de Inteligência Artificial se tornam claramente visíveis no jogo. Essas atitudes independentes dos “Sims” levam em consideração as características inicialmente definidas para cada personagem, a situação corrente de suas necessidades básicas e algumas características intrínsecas dos “Sims”, como o fato de serem extremamente “sociáveis” e possuírem “instinto de sobrevivência”.
Jogando-se, é possível perceber a utilização de dois recursos tradicionais de Inteligência Artificial no “The Sims”: um gerador de movimentos plausíveis e a utilização de funções de avaliação. Esses recursos podem ser observados quando os personagens têm de viver sem a interferência de seu criador. As ações são realizadas de acordo com os movimentos plausíveis para aquele personagem e do resultado da verificação da necessidade vital que precisa ser satisfeita com mais urgência.
A Figura 3 mostra a morte “forçada” de um personagem na piscina por falta de um meio para sair dela (escada). Quando a piscina possui esse recurso, mesmo que o “Sims” não tenha mais nenhuma energia, ele sai espontaneamente da piscina, mesmo que o jogador cancele repetidamente essa ação. É interessante observar que a cena da “morte” não é mostrada, apenas aparece uma lápide próxima ao local onde o fato ocorreu e uma mensagem de despedida do personagem.

1 Comments:

At 9:09 AM, Blogger Maria Olinda, Patrícia e Priscila Abreu said...

oi
o jogo the sims até que é bacana, mas cadê as figuras?

 

Post a Comment

Links to this post:

Create a Link

<< Home